#cervejadeverdade – Estilos extremos: Lambic

Amigos cervejeiros!

A Sinnatrah, que vem sendo divulgadora constante da cultura cervejeira está participando hoje da campanha #cervejadeverdade. O objetivo da campanha é atingir pessoas que pouco conhecem sobre a enorme e rica cultura cervejeira, mas tem curiosidade. Queremos incentivá-las a descobrir mais sobre esse universo e a experimentar novos estilos de cerveja, sem preconceitos. E como conteúdo especial iremos falar um pouco sobre um estilo de cerveja um tanto quanto extremo, as Lambics.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Esse é um estilo de cerveja produzido tradicionalmente na Bélgica, mas especificamente na região de Bruxelas e Pajottenland (como dizer em português, é um mistério). Diferente das Ales e Lagers que são fermentadas por culturas selecionadas e puras de Saccharomyces cerevisiae e Saccharomyces pastorianus, respectivamente, as Lambics são fermentadas por leveduras e bactérias selvagens, que ocorrem naturalmente no meio ambiente.

Dessa forma fermentar uma Lambic na Bélgica é muito diferente de o fazer no Brasil. A população de organismos é diferente e os métodos tradicionais de fermentação não são aplicáveis. E fato que podemos simular o efeito desses organismos selvagens com culturas puras de Brettanomyces sp (levedura) ou Pediococus sp (bactéria), mas por esse ponto as lambics são parecidas com vinhos e apresentam um certo “terroir” para sua produção.

São cervejas caracterizadas por um peculiar e apreciável sabor azedo, derivado principalmente da geração de acido lático na sua produção. Alguns sub estilos existem, como: Gueuze – mistura de lambics mais maturadas (menos azedas) com mais novas; Faro – lambic adoçada com açúcar mascavo (a melhor 😉 ); Fruit –  com frutas para amenizar e equilibrar o azedo. A mais famosa é a Kriek, feita com cereja.

Lambic é um estilo bem distinto do que se espera de cerveja quando o parâmetro é a loira geladíssima. Funcionam muito bem com doces (principalmente as Gueuze)! Para ter uma experiência inédita e surpreendente, vale a pena se arriscar e conhecer os sabores e aromas dessas cervejas.

A Sinnatrah está planejando um experiência com Lambic! Aguardem! 😉

Quem deseja participar também dessa campanha pela cerveja pode compartilhar os conteúdos de blogs sobre o assunto, espalhar a informação para os amigos por e-mail e postar no twitter uma mensagem com a hashtah #cervejadeverdade. Contamos com a participação de todos que se interessam por cervejas artesanais/especiais.

Saúde

Rodrigo Louro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: